O demais, é demasiadamente enjoativo.

17 fev

Qualquer coisa, que seja feita, em demasiadas vezes. Ou é recebida, em demasiadas vezes, enjoa. Seja a mãe, querendo dar atenção demais, querendo xingar demais, abraçar demais, proteger demais. Sim, pode ser sim, preocupação, amor.. Mas é demais, não dá pra se aguentar. Ciúme demais, quando a gente sente, demasiado ciúme, seja de amor, namorado, família, fica cansativo, causa brigas ainda por cima. Não há quem goste de brigar com quem se ama, então não tenha ciúme demais, também não queira atenção demais, pode parecer bom, mas depois, refletindo, tu vai ver que se ficasse um tempo sozinha, depois a saudade poderia ajudar em alguma coisa. E na escola, algumas escolas tem rigidez, demais. As vezes isso é bom, faz com que os alunos se esforcem mais, pra poder passar de ano, mas um dia cansa. E ainda por cima, a rigidez tem seu lado ruim, porque realmente tem as pessoas que não são ”vagais”, mas mesmo que se esforcem o máximo que podem, não conseguem. Os professores, eles exigem mais dos alunos, e só veem o lado bom. E se houver um lado ruim, quem verá? Algumas coisas em demasiada ”aplicação”, podem tentar vir para o bem, outras podem tentar vir para o mal, mas não importa a circunstância, o que é demais, é demasiadamente enjoativo, sendo bom, ou ruim. Não adianta a gente tentar buscar explicações viáveis para explicar o porque disto, mas o que a gente já sabe, é que é enjoativo, apesar das intenções boas, ou más, que existem por trás dessa demasiada ”aplicação”. Mas sendo enjoativo ou não, a vida não nos permite tirar tudo isso de nossas vidas, só a metade, ou menos que isso, então, cabe a você, o quanto o mundo que você vive, vai ser enjoado. Na minha opinião, tudo o que eu tenho de demais enjoa, mas como eu só tenho isso, vou continuar vivendo.. É o que eu tenho.. Não vou trocar isso por ”nada”.. Bom pessoal, é isso, até mais, fiquem na paz do Grande.

Anúncios

2 Respostas to “O demais, é demasiadamente enjoativo.”

  1. Naline Th. fevereiro 17, 2011 às 6:34 pm #

    Viver com o que tenho, fazendo o demasiado se esvaziar e se tornar o pó, o nada, e recomeçar tudo de novo, Bem-vindo á Vida! Curti seu blog =)

    • lollyoliver fevereiro 17, 2011 às 6:36 pm #

      Naline, obrigada por ler. E dar sua opinião. Volte sempre que quiser *.*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: